História

Mike Tyson cresceu no gueto de Bedford-Stuyvesant, no Brooklyn, e a sua juventude foi muito dura. Seu pai nunca quis reconhecê-lo como filho e o abandonou junto com seus dois irmãos quando ele tinha apenas dois anos.

Sua infância esteve marcada pela  pobreza. Todos os dias, tinha que recorrer ao serviços de beneficência para que lhe dessem comida. Quando criança, Tyson criava pombos no telhado de um edifício abandonado no Brooklyn, próximo da casa onde vivia com sua mãe. Quando os pássaros estavam enfermos ou acabavam de nascer, Tyson passava toda a noite com eles. Se fazia frio, levava-os pra casa e os embrulhava, chamava de seus filhos. Uma manhã, ao descobrir que um cachorro havia matado 25 deles, chorou inconsolável.

Na adolescência sofreu continuas surras. Tinha una voz suave, por isso os outros garotos e até as meninas o chamavam de afeminado. Roubavam seu dinheiro, suas roupas, então voltava pra casa chorando, o que fazia que o chamassem ainda mais de afeminado.

Quando completou 10 anos começou a crescer e sua reputação de fraco dissipou-se para sempre. Um adolescente criminoso que morava no bairro pegou uma de suas pombas, Mike Tyson pediu que a deixasse ir, mas o outro garoto entre risos torceu o pescoço da pomba até arrancar a cabeça do pássaro. Tyson surrou o garoto com chutes e socos até ele sangrar.

Aos 11 anos entrou numa gangue de delinqüentes (roubos em supermercados, batedores de carteira, etc). Em 1978, com 12 anos, foi detido por roubar uma carteira, depois levado ao reformatório de Spofford (Bronx, Nova York) por roubar um supermercado.

Aos 13 anos Tyson não sabia ler nem escrever, mas media 1,73 metros e pesava 90 quilos. Com 14 anos conheceu Cus D’Amato, um veterano treinador que havia levado Floyd Patterson e José Torres a ganharem títulos mundiais, e iniciou no boxe. Meses depois Camille Enalo, uma octogenária de branca tornou-se sua mãe adotiva. Quando Tyson tinha 16 anos de idade sua mãe morreu e a adoção se formalizou.

Fez uma brilhante carreira como amador. Mike Tyson se tornou profissional em 1985, ano em que ganhou 14 combates, 11 deles por K.O. no primeiro round. Começou sua carreira profissional com um KO no primeiro round sobre Hector Mercedes em Albany, New York.

Em 1986 se insinua sexualmente a uma balconista em um centro comercial em Albany, Nueva York, e reage violentamente quando ela o recusa. Torna-se o mais jovem campeão da historia dos pesos pesados ao derrotar Trevor Berbick no segundo round.

Em 1987, Tyson se torna Campeão Mundial ao vencer por decisão unânime em 15 assaltos o Campeão da FIB Tony Tucker em Las Vegas e campeão do Mundo versão AMB ao vencer, também por decisão unânime James ‘Quebraossos’ Smith, em Las Vegas.

Eleito como o Melhor Boxeador do ano de 1986 pela Ring Magazine, Mike Tyson, ao final de 1987 havia ganho os títulos da World Boxing Association (WBA), da International Boxing Federation e havia defendido ambas federações. No mesmo ano, Tyson defende seu título mundial com um KO no sexto assalto sobre Tyrell Biggs em Atlantic City.

Em 1988 Tyson defende o título mundial com um KO nol quarto assalto sobre o ex-campeão mundial Larry Holmes em Atlantic City. No mesmo ano foi  Eleito “Boxeador do Ano” pela CMB.

Em 1987 abusou da empregada de um estacionamento e e golpeou seu companheiro. Em 1988 bateu seu carro contra uma árvore. Chegou a dizer que foi tentativa de suicídio pelo seu fracasso matrimonial.  Sofre uma fratura numa das mãos depois de uma briga de rua com um de seus ex oponentes Mitch Green em Nova York.

Em 87 Tyson viu pela primeira vez a atriz Robins Givens na televisão enquanto ela interpretava um papel numa comédia. Marcou um encontro com ela em um restaurante de Los Ángeles. Mike Tyson acabara de ganhar o campeonato mundial de pesos pesados no esporte mais bem pago do mundo, tinha uma frota de Rolls-Royce, Jaguar e Mercedes.

Casou-se em 1988 com a atriz Robins Givens, que o denunciou por agressão no ano seguinte, Robin Givens confessou a reporter Barbara Walters em una entrevista transmitida a todo os Estados Unidos, que Mike Tyson era maníaco-depressivo e que seu matrimonio havia sido um inferno para ela. Tyson estava sentado passivamente ao lado dela durante toda a entrevista. Em 14 de fevereiro de 1989 Tyson e Givens se divorciam legalmente na República Dominicana.

Em 1989 seu recorde profissional era de 37-0, com 33 vitórias por K.O. Depois da morte de Cus D’Amato e de seu empresário, Jimmy Jacobs, torna-se boxeador de Don King. No funeral de D’Amato, Tyson chorou e disse a um dos que acompanhavam que se sentia tão só que queria se suicidar.

Em 1990 Mike Tyson perdeu o título dos pesos pesados para James Buster Douglas em combate considerado como uma das maiores surpresas na historia do boxe. Foi no décimo round em Tokyo.

No ano seguinte, Desiree Washington, Miss América Negra, o acusou de estupro. Tyson foi preso em Indianapolis e  posto em liberdade depois de pagar uma fiança de 30.000 dólares. Em 1992 Mike Tyson foi declarado culpado do crime e sentenciado a seis anos de de prisão. Na prisão agrediu um guarda e vários presos.

Saiu da prisão em 1995 depois de cumprir 4 anos de pena e converteu-se ao islamismo. Depois de sair da prisão teve que voltar aos ringues para pagar as números dívidas que tinha. Na primeira luta nocauteou Peter McNeely em 89 segundos.

Em setembro de 1996 Tyson reconquistou o título mundial dos pesados (versão WBA) ao nocautear em três assaltos Frank Bruno, mas perdeu em novembro desse mesmo anos para Evander Holyfield. Perde os títulos da AMB e da CMB.

Em 28 de junho de 1997 arranca com uma mordida parte da orelha de Evander Holyfield  na revanche (Tyson vs Holyfield) pela disputa pelo título mundial de pesos pesados. Sua licença de boxeador foi suspensa pela Comissão Atlética de Nevada.

No mesmo ano golpeou duas pessoas numa discussão de transito. Numa noite em Maryland, dois homens um de 62 outro de 50 anos que iam num carro que bateu na traseira do carro de Tyson. Os danos foram pequenos, mas Tyson saiu irado, deu um soco em um dos homens e no outro um chute entre as pernas.

Em 1998 Tyson termina sua relação com o promotor Don King e despede seus empresários John Horne e Rory Holloway. Em junho de 2000 foi denunciado por agressão por John Coyle, o árbitro inglês que arbitrou a luta contra o italo-americano Savarese. Dias depois, Tyson golpeou Frank Warren, seu promotor, por uma discussão sobre dinheiro. Este sofreu um derrame no olho resultado dos socos de Tyson.

Durante grande parte de sua vida sofreu de insônia. Casou-se pela segunda vez com Mônica Turner, uma médica que conheceu antes de ir para a prisão.